A Lapinha da Serra tem uma divisão de clima que define bem seu ambiente. O período “das águas” e o período “ das secas”. O cenário muda completamente.



Assim para quem gosta de cachoeiras, o período ideal vai de outubro á maio, meses onde o volume de água é maior. Um dos maiores espetáculos fica por conta das mais de quinze quedas, em vários tamanhos, que se formam no paredão da Serra do Breu. Sempre depois de uma grande chuva e pode ser visto do vilarejo mesmo.

De junho á setembro, as águas correm, mas em quantidade bem pequena, mantendo os poços cheios. Bicame e Soberbo são uns dos poucos locais onde temos quedas mesmo na seca. A beleza que se tem nesse período fica por conta do belo entardecer e das praias de areia branca que se formam com a baixa dos rios.